JW, é o novo nome do meu sítio. Escolhi este nome porque as palavras são a minha paixão, e este blog não passa disso, apenas algumas palavras que me dão o maior prazer e satisfação escrever.

26
Jul 09

 

 

“Então, inclinou-se para encostar, uma vez mais os seus lábios frios ao meu pescoço.” E assim será o seu crepúsculo, será o fim da sua vida Humana.
Certamente, quem já leu o Crepúsculo sabe perfeitamente que é assim que acaba o 1º livro da melhor saga da actualidade.
Neste momento acabei de ler este livro pela quinta ou sexta vez e mesmo assim não me deixa de me deslumbrar. Decidi reler porque finalmente vou adquirir o Amanhecer e quero fazer uma maratona de leitura de toda a saga.
Crepúsculo é o livro onde tudo começa, onde há mais mistério. Tive imensas emoções ao ler este livro e mesmo umas cinco ou seis vezes depois ainda me desperta as mesmas. Ser testemunha de um amor assim é… como dizer? Uma espécie de “honra”, mas também provoca uma espécie de alegria, ou até mesmo um afeiçoamento às personagens.
Confesso que Steph não é das minhas autoras (es) favoritas (os), mas reconheço que é um génio com as palavras. Cada palavra que escreve vale bronze, cada frase sua vale prata, cada parágrafo ouro! Com isto quero dizer que todas as suas obras são uma preciosidade imensa e incalculável.
Cada um de nós nasce, vive e morre, durante todo este tempo passamos por várias etapas, muitas dificuldades, alegrias, desiludimos e somos desiludidos, apaixonamo-nos e desapaixonamo-nos. Somos testemunhas de várias situações, de coisas lindas, sinceras e verdadeiras, mas também de situações tristes: situações embaraçosas, falsas, situações que nos desiludem, que nos deixam totalmente tristes. Quando nos apaixonamos tudo muda, conhecemos o verdadeiro amor, toda a sua beleza e pureza é desvendada, mas também conhecemos o seu lado negativo. Com o amor crescemos e passamos a ver a vida de maneira diferente. Com Bella assim acontece.
Ao apaixonar-se, aos dezassete anos por Edward, Bella conhece verdadeiramente o amor e a sua essência. Por Edward, Bella está disposta a viver uma noite eterna. Por ele decide viver eternamente, abdicando de todas as sensações humanas, todas as alegrias e tristezas que esta poderia lhe proporcionar. Não é julgada por isso, ela apenas ama verdadeiramente, apenas conheceu a essência do sentimento mais belo e puro de todos.
O amor é um sentimento que nos transforma totalmente. É claro que não falo por experiencia própria, sinceramente, não faço a mínima ideia do que se sente ao certo quando descobrimos o nosso verdadeiro amor, já me apaixonei, mas nada se compara a isto. Já fui testemunha de pelo menos um sentimento de amor verdadeiro, que apesar de incomparável com o de Bella e Edward, era também muito bonito e forte. Também já li bastante sobre o assunto, o que me levou a tirar muitas conclusões sobre este sentimento. O amor é um sentimento que nos torna mais irracionais, agimos mais expontâneamente mas é assim que conseguimos realmente demonstrar o que sentimos à nossa cara-metade.
Neste momento só consigo apontar o que vejo de negativo em amar. Sim, infelizmente amar tem a sua parte negativa, não só para o casal em si, mas também para quem rodeia o casal.
Quando nos apaixonamos tornamo-nos muito dependentes da nossa cara-metade e tendemos a ignorar os nossos amigos, acabando por magoá-los sem qualquer intenção de o fazer. Eu já passei muitas vezes por isso e sei o quanto é entristecedor. Acabei até por perder amigos por isto, o que me custou imenso. Recentemente uma das minhas melhores amigas apaixonou-se e garantiu-me que o facto de namorar não faria com que se afasta-se, mas tal como previ, aconteceu. Em Crepúsculo, Bella, apesar de não muito próxima dos seus recentes amigos de Forks, acaba também por se tornar muito dependente de Edward, acabando por se afastar dos seus amigos.
O que leva para outro aspecto negativo do amor, o facto de o casal ser tão inseparável, não é que isso seja muito maus, mas mais tarde isto pode ser maliciosos para a relação, levando mesmo até ao fim desta. Não é isto que acontece com Bella e Edward, mas, e agora falando um pouco sobre Lua Nova, o facto de estes serem tão inseparáveis, torna a sua separação, quando os Cullen partem, mais difícil para Bella.
Eu não sou muito entendida no assunto que falei, mas posso dizer que estou muito ansiosa por me apaixonar verdadeiramente, tal como Bella. Sei que por vir a sofrer com o amor, sei que posso vir a magoar os meus amigos, apesar de não ser isso que quero, mas também sei o quanto este sentimento é lindo, verdadeiro e o poder que este tem de transformar e de proporcionar novas sensações.
Então, vos digo, amem…
 
 
Espero sinceramente que estejam a gostar do meu pequeno blog, sinto que ando a escrever para o boneco gostava sinceramente de receber um comentáriozinho aos  textos  que escrevo do fundo do coração, estes texto saem dos meus sentimentos, e dizem muito sobre o que estou sentido, ao mesmo tempo demostram a minha grande paixão pela escrita e o porquê de arranjar sempre forças para continuar em frente...
 
DarkSpirit
publicado por Sara Rute às 21:58
 O que é? |  O que é? | favorito

mais sobre mim
★ Ovinhos

Click Me!

Adopted from squiby Clica nos meus ovinhos para eles evoluirem :D
★ JW dá-te música ;)


MusicPlaylist
Music Playlist at MixPod.com

★ Calendário




★ És fã de anime? Dá uma olhada a estes projectos:
MB Portugal Fórum MB Portugal Blog Japan Otaku Fansub Pinku World Fórum
★ Fala do que te apreteça :D
★ Mantém-te informado :D
blogs SAPO